O mundo de hoje é bem diferente do que era há 10 anos. A transformação digital está cada vez mais rápida e as mudanças seguem surgindo em ritmo acelerado.

No setor de educação não é diferente. Catracas eletrônicas e laboratórios de informática parecem, hoje, instrumentos vindos de um passado muito distante.

As escolas precisam acompanhar a evolução no uso da tecnologia pelos alunos promovendo a transformação em suas práticas pedagógicas. Não há como seguir usando elementos analógicos do passado e esperar ser competitivo em um mercado marcado pelos avanços tecnológicos.

Este abismo entre a realidade do aluno e ao ambiente escolar desmotiva, causa desinteresse e aumenta a evasão. Tudo isso se reflete em menor rentabilidade para a instituição.

Abrir as portas para uma mentalidade focada no futuro, na tecnologia e no uso de telas sem culpa, com significado, é retomar a escola como espaço significativo para alunos e professores. Mas qual o melhor caminho para implantar esta nova visão em sua instituição?

É exatamente sobre isso que vamos falar neste texto. A seguir você vai entender melhor o que é transformação das práticas pedagógicas, descobrir quais são os seus benefícios e conhecer algumas ferramentas que podem ajudar você a colocar esta mentalidade em prática na sua escola.

O que é transformação das práticas pedagógicas?

Transformação das práticas pedagógicas é uma mudança estrutural e de mentalidade baseada nos avanços tecnológicos, com o objetivo de acompanhar a inovação e manter uma empresa, organização ou instituição moderna e relevante em seu setor.

Isto significa aperfeiçoar atividades e produtos usando ferramentas de tecnologia, implementando uma mentalidade digital em todos os setores e respondendo à lógica atual de mudanças rápidas, respostas instantâneas, flexibilidade e agilidade.

Por que implementar a transformação das práticas pedagógicas na educação

As tecnologias mais recentes mudaram a forma como as pessoas se relacionam entre si e com o mundo ao seu redor. Alteraram drasticamente o mercado de trabalho e provocaram mudanças significativas na dinâmica de geração e construção do saber.

Diante deste contexto, as competências técnicas perderam espaço para outras mais valorizadas nos dias de hoje, como a capacidade de criar, flexibilidade, resolução de problemas, comunicação, trabalho em equipe e aprendizado contínuo.

Trata-se de mudanças que impactaram o mundo todo e deixaram muito clara a necessidade de responder adequadamente às novas demandas em todos os ambientes. Com a educação não foi diferente.

Assim como o jeito de se locomover, pedir comida em casa, fazer compras ou se comunicar, a educação deve se atualizar para responder aos desafios dos tempos atuais e interesses de uma nova geração de alunos, mais conectada, tecnológica e digital.

Os 4 pilares para promover a transformação das práticas pedagógicas

transformacao-praticas-pedagogicas

Para promover a transformação das práticas pedagógicas na sua escola, não basta simplesmente adquirir novas ferramentas, como lousas digitais ou um ambiente virtual de aprendizagem. É preciso ir mais fundo e implementar uma mudança de mentalidade, que abrange basicamente 4 pilares. Vamos ver quais são eles?

Pessoas

As pessoas devem ser o primeiro fator a ser levado em consideração, já que estão no centro desta estratégia. É por elas que passa a adoção e implementação de novas práticas, e é para elas – no seu caso, os alunos, professores e funcionários – que as mudanças são direcionadas.

Processos

Implementar novas tecnologias e uma nova visão de negócio impacta diretamente os processos em sua instituição de ensino. Mais do que nunca, é importante otimizá-los para se readequarem a uma nova realidade de mercado, mais ágil, inovadora e interativa.  

Tecnologia

A tecnologia é a principal forma de materializar essa transformação. É por meio dela que as coisas acontecem. Inovações tecnológicas possibilitam automatizar processos, tomar decisões baseadas em dados, resolver demandas pedagógicas com mais facilidade e ampliar áreas de atuação.

Local de trabalho

Você saberia dizer, durante a pandemia, qual era exatamente seu local de trabalho? Era em casa, na escola, ou em um ambiente virtual? Pois é, a transformação das práticas pedagógicas impacta diretamente este ponto, já que permite toda uma nova dinâmica de ensino híbrido ou remoto.

Qual é o objetivo da transformação das práticas pedagógicas?

No caso das escolas, o principal objetivo é enfrentar os desafios trazidos pelos tempos atuais, adequando-se tanto à realidade dos alunos quanto a uma nova visão da educação pós-pandemia.

Além disso, a curto prazo, existe a necessidade urgente de recuperar a proficiência dos alunos em língua portuguesa e matemática.  

Segundo um estudo do Instituto Unibanco, durante o distanciamento social os alunos aprenderam efetivamente, em média, apenas 17% do conteúdo de matemática e 38% do de linguagem em relação ao que aconteceria normalmente.

Além disso, enquanto negócio, a transformação das práticas pedagógicas impacta diretamente os resultados financeiros de sua escola. Um estudo da consultoria global McKinsey mostrou que, quanto mais madura digitalmente é uma organização, mais difícil é ela ser superada por seus concorrentes.

Em outras palavras: diante de um cenário no qual as escolas estão trabalhando com margens cada vez mais apertadas, a transformação das práticas pedagógicas pode significar até mesmo a sobrevivência de sua instituição, ou definir o crescimento que ela terá daqui para a frente.

Benefícios da transformação das práticas pedagógicas para sua escola

Ao implementar a transformação das práticas pedagógicas sua escola passa a inovar com tecnologia, oferecendo uma proposta de valor mais robusta e, por consequência, competitiva diante de um mercado educacional que está em constante transformação.  

Isso permite que ela se mantenha relevante ao longo do tempo, atualizando a entrega constantemente e tomando decisões de maneira mais estratégica, gerando valor e rentabilizando o investimento em forma de matrículas e mensalidades.

E não para por aí. Adotar uma mentalidade voltada para o futuro traz outros benefícios, como explicamos abaixo.

Potencializa as entregas que você já oferece

Integrar a tecnologia à sua forma de fazer educação e à cultura da organização é um jeito de potencializar o que você oferece, usando a inovação para destacar e reforçar as principais características de sua instituição.

Usando soluções integradas para criar seu próprio ecossistema de aprendizagem com um único ponto focal, você ainda otimiza a eficiência e tempo operacional, tanto na realização de atividades cotidianas quanto na negociação, implantação e manutenção das ferramentas escolhidas.

Torna as aulas mais atrativas

Somar o ambiente digital à forma que sua escola vê a educação, com aplicações que potencializam o trabalho do professor, é uma maneira de ajudar a engajar os alunos, tanto em sala de aula quanto fora dela.

Usar o tempo de tela sem culpa

As telas são parte do mundo hiperconectado no qual os alunos de hoje vivem. Usá-las para proporcionar atividades colaborativas e que facilitam a sociabilidade permite vivenciar a tecnologia com significado e sem culpa.

Aproximar a escola da tecnologia atual

Quando implementa a transformação das práticas pedagógicas na educação, sua instituição passa a falar a língua do aluno, trazendo para a escola a realidade tecnológica que ele já encontra em seu dia a dia. Ferramentas como a gamificação, por exemplo, são excelentes aliadas para acelerar os resultados e desempenho dos alunos.

Como transformar as práticas pedagógicas da sua instituição com as Suítes Pedagógicas

Em 2019, um levantamento da Forbes já mostrava que 89% das empresas haviam adotado ou planejavam colocar em prática uma estratégia de transformação digital. Se sua escola ainda não iniciou este movimento, veja algumas vantagens de fazer isso o quanto antes.

Práticas alinhadas à Base Nacional Curricular

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) traz, em suas competências gerais da educação básica, orientações quanto ao uso da tecnologia e da transformação das práticas pedagógicas. Em seu segundo e quinto itens, respectivamente, ela diz que é papel das escolas:

2. Exercitar a curiosidade intelectual e recorrer à abordagem própria das ciências, incluindo a investigação, a reflexão, a análise crítica, a imaginação e a criatividade, para investigar causas, elaborar e testar hipóteses, formular e resolver problemas e criar soluções (inclusive tecnológicas) com base nos conhecimentos das diferentes áreas.  

5. Compreender, utilizar e criar tecnologias digitais de informação e comunicação de forma crítica, significativa, reflexiva e ética nas diversas práticas sociais (incluindo as escolares) para se comunicar, acessar e disseminar informações, produzir conhecimentos, resolver problemas e exercer protagonismo e autoria na vida pessoal e coletiva.

Aplicações que falam a língua do aluno

As aplicações tecnológicas oferecidas pelas Suítes Pedagógicas foram planejadas para atuar de modo engajador junto às escolas e professores, trazendo elementos de gamificação e que falam a linguagem do aluno.

Cruzamento de indicadores pedagógicos

Com a organização de dados centralizada em uma única solução, você tem acesso a indicadores e insights extremamente úteis para orientar a tomada de decisões e potencializar tanto o desempenho dos alunos quanto a eficiência do negócio.

Conclusão

Neste texto, você viu em detalhes o que é transformação das práticas pedagógicas e como ela pode ser aplicada à educação. Ao adotar uma mentalidade e ferramentas voltadas às tecnologias atuais, sua instituição posiciona-se de forma mais robusta no mercado e tem mais chances de rentabilizar matrículas e mensalidades.

Além disso, este passo em direção ao futuro oferece ao aluno instrumentos coerentes e adequados à sua realidade hiperconectada, permitindo que a escola e professores falem a mesma língua que ele e ganhem força para obter resultados.

Com a implantação da transformação das práticas pedagógicas, os alunos ficam mais motivados e engajados, o que significa menos evasão e maior receita. Tudo isso, aliado à eficiência operacional, torna-se uma grande vantagem competitiva que pode definir o futuro da sua instituição.

Por isso, é importante que sua escola comece a praticar esta mudança o quanto antes. Se você não sabe muito bem por onde começar ou como fazer isso, fique tranquilo: nós estamos aqui para ajudar!